13×01 | Lost and Found

Deixe o seu voto

    13×01 – Lost and Found

Sinopse:

A temporada 13 começa exatamente onde a anterior terminou, com Sam (Jared Padalecki) e Dean (Jensen Ackles) em luto depois da perda de sua mãe, o adeus de Crowley (Mark Sheppard) e a triste morte de Castiel (Misha Collins). O nascimento de Jack (Alexander Calvert) deixa os irmãos Winchester com opiniões diferentes de como lidar com um Nephilim. Após ser levada pela fenda, Mary (Samantha Smith) deve aprender a sobreviver ao Lucifer (Mark Pellegrino) e ao mundo apocalíptico.
Exibição: 12 de Outubro de 2017

Episódio nº: 265

NOTA:

RT:  (5)

Dirigido por: Phil Sgriccia
Escrito por: Andrew Dabb

Personagens:

Lucifer
Jack
Castiel
Mary Winchester
Sheriff Christine Barker

OBSERVAÇÕES SOBRE O EPISÓDIO

Anotem esse nome, Alexander Calvert. Ele foi a grande surpresa do episódio. 

Tudo começa no mesmo ponto onde o anterior terminou. Com Sam entrando no quarto onde Jack está escondido.

O carisma do novo personagem é tanta que é impossível não se apaixonar por ele.

Alexander passa uma  inocência a Jack incrível, a inserção das pequenas cenas da lembrança da mãe deram uma sensação de nostalgia, mesmo em pequenas frações de segundo.

Outro momento nostálgico, mas triste, foi a visão de Castiel morto e Kelly Kline em outro ambiente da casa. Foi notável a interação dos protagonistas (de novo) com a história, e essa sensação de tristeza real talvez seja a afirmação do que fez SPN uma série tão longínqua.

Outro momento de arrebentar o coração foi quando Dean pede ajuda a Chuck. A interpretação de Jensen é ótima e transmite toda a angustia do personagem. Outro momento tocante foi quando Dean acende a fogueira onde Jimmy Novak  está. Ahaaa. Será que somente eu lembrei que Castiel na realidade são duas pessoas? Fiquei triste pelo Jimmy, pois afinal era um personagem bastante interessante e dava a Misha Colins mais chances de mostrar o seu talento.

O arco dessa temporada 13, o mundo paralelo, é bem provável que Castiel volte em uma outra versão (VAISABÊ). Outra coisa que não sabemos também é a personalidade de Jack, apesar de “grandinho” ele é inocente e grande parte do que aprendeu estava na doçura e a esperança nas palavras de sua mãe, inclusive na lembrança de Jack achar que Castiel era seu pai, (SNIF). Se o personagem for bem trabalhado teremos grandes surpresas nessa temporada enigmática.

Outra coisa que me ocorreu, será que essa casinha abandonada com água, luz, telefone, internet e TV a cabo vai ser o novo QG dos Winchesters?

É bem provável já que a porta para o mundo paralelo está bem ali ao lado.

Falando nisso, vale acrescentar que o arco de Jack é tão importante que a nova intro da série tem um logo muito similar ao olho do filho de Lúcifer.

A grande pergunta é. Será que a base dessa temporada vai “justificar” os acontecimentos da temporada anterior? E como prometido a série vai voltar as origens de drama familiar? Bem, pelo bom destino da série espero que sim.

Powered by flickr embed.

Posts relacionados

Leave a Comment